domingo, 4 de novembro de 2012

Sou Vítima



Sou uma vítima do amor
Mas não tenho do que reclamar
Com certeza é o que me da forças
E me faz querer acordar

Sou mais uma vítima
Perdido no olhar de uma pessoa
Perdido no sorriso de uma pessoa
Querendo estar apenas com ela

Quando se trata dela, fico perdido
Como pode me deixar todo “assim”
Se ela não está aqui fico perdido
Contigo espero que não tenha fim

Sou vítima do teu amor
Do teu olhar, do teu sorriso

Rodrigo Ramos Palauro

Um comentário:

  1. Me impressionei com a leveza de suas palavras...Estou te seguindo e espero que dê uma passada em meu blog e também me deixe sua opinião.Mantenha contato e mais uma vez estou impressionada,parabéns...

    ResponderExcluir